gustavo

Qual é a sua bronca?


Desabafe! Vamos denunciar o caos em que está a nossa educação e dizer que não somos nós os culpados, tampouco os redentores da nação, que vão salvar o ensino público. Queremos salário e condições de trabalho dignos. Vale texto, vídeo, foto...
Envie para prof.amandagurgel@gmail.com ou publique aqui nesta página.

29 comentários:

Professor Tadeu disse...

Vamos investir na educação 10% da corrupção no Brasil?
Já é um bom começo.

C:\Users\Tadeu\Pictures\Charges\Educação no Brasil. 10.jpg

REGINALDO ARAÚJO disse...

Truculenta a Prefeita do PT de Fortaleza com os professores. manchado sua biografia com sangue do professor.
saudações revolucionárias a todos.
Reginaldo Limoeiro do Norte Ce.

Juraci disse...

São tantas broncas... mas a que mais me intriga no momento é: Nossos técnicos que estão nas secretarias nos cobram tano uma aula atrativa, com qualidade, com isso e aquilo, mas chega na hora de atribuir aulas sai lá no edital que um professor pode trabalhar até 20h por período, isso deixa claro que podemos atribuir 20h de manhã, 20h à tarde e 20h à noite, eles abrem essa possibilidade,quando preparar aula??? Quando ler?? Quando pesquisar???? AH Vá...Parem de brincar na hora de eleborar editais,lutem conosco por um salário digno p/ que fiquemos em apenas um horário em sala e o outro com alunos em dificuldade, além de horas p/ planejarmos!!!

rroffy disse...

Em minha formação ,costumava chamar meus professores de "Mestres",sim mestres no ensino da língua ,no aprendizado dos números ,no entendimento da ciência ,agora estes mesmos "Mestres" teriam que fazer uma especialização em um curso de sobrevivência na selva ,pois com o salário que ganham só sabendo mesmo ,sobreviver em situações adversas para manter as funções básicas do corpo!Chega deste modelo de ensino militar dos anos 70 ,ensino tecnicista ,nossas crianças não podem fazer parte deste modelo de ensino ultrapassado de linha de produção para o mercado de trabalho. Povo brasileiro ,povo aguerrido ,valorizar o professor é garantir o nosso futuro como nação! 50% do PIB para educação já !!!!10 é muito pouco ainda. E ainda acho que todo brasileiro que já estudou e se formou teria que voltar para a escola e começar do zero de novo! Uma reciclagem nacional. Professores não desistam da luta.

rroffy disse...

A UNESCO define analfabeto funcional como toda pessoa que sabe escrever seu próprio nome, assim como lê e escreve frases simples, efetua cálculos básicos, porém é incapaz de interpretar o que lê e de usar a leitura e a escrita em atividades cotidianas, impossibilitando seu desenvolvimento pessoal e profissional. Ou seja, o analfabeto funcional não consegue extrair o sentido das palavras, colocar idéias no papel por meio da escrita, nem fazer operações matemáticas mais elaboradas.

No Brasil, o índice de analfabetismo funcional é medido entre as pessoas com mais de 20 anos que não completaram quatro anos de estudo formal. O conceito, porém, varia de acordo com o país . Na Polônia e no Canadá, por exemplo, é considerado analfabeto funcional a pessoa que possui menos de 8 anos de escolaridade.

Segundo a Declaração Mundial sobre Educação para Todos, mais de 960 milhões de adultos são analfabetos, sendo que mais de 1/3 dos adultos do mundo não têm acesso ao conhecimento impresso e às novas tecnologias que poderiam melhorar a qualidade de vida e ajudá-los a adaptar-se às mudanças sociais e culturais.

De acordo com esta declaração, o analfabetismo funcional é um problema significativo em todos os países industrializados e em desenvolvimento. No Brasil, 75% das pessoas entre 15 e 64 anos não conseguem ler, escrever e calcular plenamente. Esse número inclui os 68% considerados analfabetos funcionais e os 7% considerados analfabetos absolutos, sem qualquer habilidade de leitura ou escrita. Apenas 1 entre 4 brasileiros consegue ler, escrever e utilizar essas habilidades para continuar aprendendo.

Mas como resolver essa situação? Como baixar esses números alarmantes? Sem dúvida nenhuma que a educação é o caminho. Alfabetizar mais crianças com melhor qualidade. Essa é a questão: qualidade e não quantidade.

Infelizmente, hoje vemos que o Brasil optou pela quantidade a qualquer custo.
E o resultado disso é a enorme quantidade de analfabetos funcionais com diploma. O nosso país deveria se esforçar em alfabetizar com qualidade. Não é aumentando para 9 anos o Ensino Fundamental que a qualidade do ensino irá melhorar.

Também não é ampliando o horário escolar que teremos o problema resolvido.
Se os alunos não forem incentivados à leitura, a atividades que trabalhem com inteligência, pensamento lógico e capacidade de relacionar temas diferentes, nenhum esforço do governo será válido.

Também não devemos nos esquecer dos professores. Melhoria nos cursos de formação dos docentes, remuneração adequada, capacitação continuada, etc. Dá trabalho, é verdade, mas o investimento na qualidade da educação é a única forma capaz de reverter esse quadro educacional brasileiro tão triste!!

(Referência: INAF – Indicador de Analfabetismo Funcional)

A Paideia disse...

A UNESCO define analfabeto funcional como toda pessoa que sabe escrever seu próprio nome, assim como lê e escreve frases simples, efetua cálculos básicos, porém é incapaz de interpretar o que lê e de usar a leitura e a escrita em atividades cotidianas, impossibilitando seu desenvolvimento pessoal e profissional. Ou seja, o analfabeto funcional não consegue extrair o sentido das palavras, colocar idéias no papel por meio da escrita, nem fazer operações matemáticas mais elaboradas.

No Brasil, o índice de analfabetismo funcional é medido entre as pessoas com mais de 20 anos que não completaram quatro anos de estudo formal. O conceito, porém, varia de acordo com o país . Na Polônia e no Canadá, por exemplo, é considerado analfabeto funcional a pessoa que possui menos de 8 anos de escolaridade.

Segundo a Declaração Mundial sobre Educação para Todos, mais de 960 milhões de adultos são analfabetos, sendo que mais de 1/3 dos adultos do mundo não têm acesso ao conhecimento impresso e às novas tecnologias que poderiam melhorar a qualidade de vida e ajudá-los a adaptar-se às mudanças sociais e culturais.

De acordo com esta declaração, o analfabetismo funcional é um problema significativo em todos os países industrializados e em desenvolvimento. No Brasil, 75% das pessoas entre 15 e 64 anos não conseguem ler, escrever e calcular plenamente. Esse número inclui os 68% considerados analfabetos funcionais e os 7% considerados analfabetos absolutos, sem qualquer habilidade de leitura ou escrita. Apenas 1 entre 4 brasileiros consegue ler, escrever e utilizar essas habilidades para continuar aprendendo.

Mas como resolver essa situação? Como baixar esses números alarmantes? Sem dúvida nenhuma que a educação é o caminho. Alfabetizar mais crianças com melhor qualidade. Essa é a questão: qualidade e não quantidade.

Infelizmente, hoje vemos que o Brasil optou pela quantidade a qualquer custo.
E o resultado disso é a enorme quantidade de analfabetos funcionais com diploma. O nosso país deveria se esforçar em alfabetizar com qualidade. Não é aumentando para 9 anos o Ensino Fundamental que a qualidade do ensino irá melhorar.

Também não é ampliando o horário escolar que teremos o problema resolvido.
Se os alunos não forem incentivados à leitura, a atividades que trabalhem com inteligência, pensamento lógico e capacidade de relacionar temas diferentes, nenhum esforço do governo será válido.

Também não devemos nos esquecer dos professores. Melhoria nos cursos de formação dos docentes, remuneração adequada, capacitação continuada, etc. Dá trabalho, é verdade, mas o investimento na qualidade da educação é a única forma capaz de reverter esse quadro educacional brasileiro tão triste!!

(Referência: INAF – Indicador de Analfabetismo Funcional)

A Paideia disse...

Os Professores do município de macururé no sertão da Bahia sofrem nas mãos da prefeita Silma (PT) por falta de apoio para formação. O vídeo que vocês assistirão e um depoimento da professora vítima do desprezo e descompromisso da prefeita com a educação. A professora reside no povoado Salgado do Melão distante da sede 42 km. e estuda no município de Belém do São Francisco no Estado de Pernambuco, sem nenhuma condição para se manter este trajeto semanalmente, o mais grave de tudo e que paga a professora substituta do seu próprio bolso do salário de R$ 594,00.
http://www.youtube.com/watch?v=iAhOGp5-1jM

Tatiana Lira disse...

Os professores de Alagoas não aguentam mais sofrer com esses baixos salários Governador Teotônio Vilela! Invista na Educação e terá um Estado de Alagoas desenvolvido!

Isabel Andréa disse...

Postei esse texto no Conexão Professor (da SEED/RJ), na ocasião em que o vídeo da Amanda Gurgel bombava nas redes sociais. Pensei que a moderadora do fórum tivesse impedido sua publicação, pois no dia seguinte ele ainda não se visualizava.
Dias depois me surpreendi com sua publicação, então resolvi socializar neste espaço.

Por que a greve dos professores da Rede Estadual do Rio de Janeiro? Eis a minha postagem no Conexão Professor

Amanda Gurgel, eis o nome da guerreira que, ao usar o plenário da Câmara do RN, expôs não só a sua realidade, mas a realidade de toda a educação pública brasileira. Tanto que a repercussão de sua fala ao ser exposta na rede mundial de computadores, a internet, chegou aos meios de comunicação de massa pelo reconhecido índice de notoriedade.
Clamo aos meus companheiros de jornada que aproveitemos as reuniões de GIDE em suas escolas para esclarecer, pleitear, reinvindicar e lutar por melhores condições de trabalho.
Sob o discurso da meritocracia nos é impingido um modelo de competitividade que só fará nos desarticularmos ainda mais, enquanto categoria.
A internet representa, hoje, uma arena democrática para que possamos nos expressar e lutar. Vamos para além dela!
Vamos lutar para que tenhamos: toda a grade curricular preenchida com professores concursados, para que tenhamos um número justo de alunos em classe, para que acomodações e mobiliário da escola sejam seguros e em quantidade suficiente para atender a demanda, para que tenhamos material básico de trabalho (canetas para escrever no quadro, papel e impressão/reprodução de material necessário etc).
Lutemos para que em nosso contracheque tenhamos apenas o salário base (sem apêndices facilmente retirados conforme o humor de nossos governantes) e este seja digno para manter nossa vida.
Não quero vale-pobreza.
Quero salário e quero viver só dele, tal como fazem tantos profissionais com igual nível de formação que nos é exigido para o desempenho da função.
Quero ter tempo, energia, entusiasmo e a alegria em realizar a atividade que um dia elegi como aquela que me realizaria.
Isabel Andréa Barreiro Pinto
Colégio Estadual Arruda Negreiros Nova Iguaçu

hey-you disse...

OLÁ! FUI PROFESSORA/ COORDENADORA DO MEIOS E PEÇO QUE ESTA GOVERNADORA ROSALBA LEMBRE QUE JAMAIS IREMOS ESQUECER O QUE ELA NOS FEZ! FORAM 11 ANOS DE TRABALHO JUNTO AO MEIOS E HJ NEM O FGTS ELA LIBEROU,ISSO É UM ABSURDO!!

cristiane disse...

Professores do Brasil vamos arregaçar as mangas e lutar juntos!! chega de vivermos de esperança, a hora é agora!

cristiane disse...

fronteira/minas gerais está com vc amanda!!

Prof Maria do Socorro disse...

LENDO O JORNAL "CORREIO DO BRASIL" ENCONTREI ESTA NOTÍCIA QUE ACHEI UM VERDADEIRA DECLARAÇÃO DE AMOR PELA EDUCAÇÃO PÚBLICA ,É...MAS UMA VEZ A "PROFESSORINHA NORDESTINA" TRAZ PARA A SOCIEDADE BRASILEIRA O PROBLEMA DA ESCOLA PÚBLICA NO PAÍS E A SITUAÇÃO DE MILHARES DE PROFESSORES BRASILEIROS...ELA DESTA VEZ LITERALMENTE DEIXOU O "REI NÚ",NÃO
DEIXOU QUE SUA VISÃO FOSSE OFUSCADA PELO BRILHO DOS HOLOFOTES DA FAMA E NEM SE DEIXOU LEVAR PELO CANTO DA SEREIA QUE ACENAVA COM UM PRÊMIO E "PERSONALIDADE DO ANO" OU MELHOR DO "EDUCADOR DE VALOR".
NÃO ACEITAR UM PRÊMIO TÃO COBIÇADO POR EMPRESARIOS,PERSONALIDADES E POLÍTICOS BRASILEIROS, FOI UM "TAPA COM LUVAS DE PELICA" NO PODER PUBLICO E NA SOCIEDADE ATUAL QUE ALIMENTA DISCURSOS DEMAGÓGICOS DE POLÍTICOS E ENTIDADES QUE SE DIZEM A FAVOR DA EDUCAÇÃO.
PARABÉNS AMANDA...VOCE SURGE COMO "A VOZ DO QUE CLAMA NO DESERTO" ANUNCIANDO NOVOS TEMPOS PARA A EDUCAÇÃO BRASILEIRA...NÃO PRECISOU DE PALANQUE...NÃO PRECISOU DE CARGO EM SINDICATO...NÃO PRECISOU DE MANDATO...APENAS FALOU COM PAIXÃO... PAIXÃO PELA EDUCAÇÃO!!!!

sousa disse...

Ao ministerio Publico do Maranaho q deixa os gestores municipais totalmente livres para usar o dinheiro q deveria ser gasto com edudcaçao em bens particularaes como é o casa de Vitoria do Mearim MA,TA FALTANDO FISCALIZAÇAO...

Inezteves disse...

ESTRELA

Engoli seco outra vez,
Outra vez "tremi nas bases"

Tremi de insegurança,
Agitando a confiança
Refleti: "Ser ou não ser?"

Senti o peso da vida
Senti a dor da ferida,
De viver num mundo louco
Trabalhando sem descanso
E recebendo tão pouco!

Sou professor e daí?!?

Alguém "aí" no Brasil
Precisa de professor?

Sou apenas "fessorinha"
...
"Funaro_foi o maior!"
"Tancredo_Que grande homem"
"Dina Sfat_Grande atriz"

"Escadinha?_Sei quem foi!"

"Professores?
Do primário??!!

(ou se a custo conseguiu
ensino universitário??)

Não confio muito neles,
Falam tantas abobrinhas!
Alguns escrevem errado...
Deviam estudar mais!!"

...
Volto agora do delírio

Eu , fessora, sou mais uma
Consciente do valor
Que temos para os pequenos
Que sentam em nossas salas
que crescem junto conosco

Que nos bebem, nos devoram
E podem ser no futuro
O que talvez não sejamos
Por escolher no Brasil
Uma linda profissão
Que não tem valor nenhum!

...
Não vou ficar na história
Se morrer de infecção
Se estiver cancerosa
Se parar o coração...
Ou enlouquecer de vez,
e tornar-me perigosa!!!

Com as contas a pagar
e tão pouco a receber
Só consigo a proeza
De ir pro SPC...

...
Mas aqui fora do reino
Descobrimos o valor
De se doar tanto, por pouco!

Sou ESTRELA
Todo ano, estréio em minha sala!

Minha platéia querida
Me aplaude sem saber
Que talvez, lá no futuro,
Seja um nobre senador,
Eminente deputado
Ou grande governador!!!
...
E esqueça as origens,
e esqueça de aumentar
Salário de professor!

(Inês em 1990)
Inezteves
Publicado no Recanto das Letras em 12/09/2007
Código do texto: T648663

Allan disse...

È inadmissível,revoltante,indignante ,para mim “ALUNO “ da rede pública de ensino, ter que presenciar tudo isso que está acontecendo,vendo meus professores sendo obrigados a voltarem para sala de aula,após terem seus direitos mais do que merecidos negados,enquanto existem verdadeiras sanguessugas ,ai que engordam os próprios bolsos,com” DINHEIRO PÚBLICO”,com o dinheiro que deveria está sendo investido em estrutura e modernização do padrão escolar,nos dando assim mais possibilidades de aprendizagem .Falam em EDUCAÇÃO de qualidade,mas não falam em SALÁRIOS de qualidade,para os professores.Esse é o governo que temos Governo que só diz não

PROFUNCIONÁRIO - GESTÃO ESCOLAR disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ARFEJ - CLAUDIO S. LIMA - APOIO ADM. SEE/AC disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ARFEJ - CLAUDIO S. LIMA - APOIO ADM. SEE/AC disse...

Prezados amigos, também sou um dos milhares de indignados com o caos na educação Brasil a fora. A educação aqui no Acre infelizmente está totalmente politizada e, muito de nós profissionais da educação não conseguimos agir pela razão, boa parte ainda pensa com os ouvidos, ou seja, baseados no discurso político ideólogico deles (políticos endinheirados capitalistas) que não estão nenhum pouco preocupados com a nossa situação. Isso tudo acontece justamente por não termos uma educação de qualidade capaz de nos transformar em verdadeiros cidadãos críticos e participativos, pois no dia em que isso acontecer e tivermos "essa capacidade" o discurso político, mentiroso e ideológico deles, estará ameaçado. Pois cidadão que estuda, se qualifica e que tem seu valor reconhecido, também será um cidadão digno, participativo, imparcial e atuante. Estamos juntos e vamos lutar por nossa causa!!!

João Francisco - Paraná disse...

EDUCAÇÃO não é um direito a ser conquistado, mas sim um direito natural e universal para todos. Infelizmente as pessoas que "ainda" acreditam em uma sociedade mais justa e igualitária estão sendo "marginalizadas" e vemos diariamente a inversão de valores e conceitos.
"Não basta que sejamos justos e puros, é necessário que a justiça e a pureza existão dentro de nós" - Santo Agostinho.

charline lobato disse...

FORA MICARLAAAA!! GENTE VAMOS TIRAR ESSA PREFEITA SEM FUTURO E INCOMPETENTE DA NOSSA CIDADE, NATAL TA PODRE IGUAL A ELA, NAO VAMOS MAIS PERMITIR ESSE DISCASO COM A EDUCAçAO E SAUDE NAO.. MINHA GENTE, PASSOU NO JORNAL NACIONAL O DESCASO COM A MERENDA ESCOLAR, ISSO è UMA VERGONHA, NAO JA BASTA O QUE ELA ROUBA DE TODOS NòS, VAI ROUBAR ATè A MERENDA ??? NAO DEIXEM NAO, A CIDADE è DE TODOS, ELA è Sò UMA PREFEITA, E PREFEITA SE PODE MUDAR.

JTauilGasparFº. disse...

A pior prefeita de todos os tempos de Fortaleza,Luiziane Lins não fez nada pela cidade em oito anos de desgoverno total!É uma vergonha como está a nossa cidade,Escolas,Sáude etc...Fora os milhões de buracos e lixo nas ruas!

JTauilGasparFº. disse...

GENTE VAMOS TIRAR ESSA PREFEITA SEM FUTURO E INCOMPETENTE DA NOSSA CIDADE!

JTauilGasparFº. disse...

NAO DEIXEM NAO, A CIDADE É DE TODOS, ELA É SÓ UMA PREFEITA, E PREFEITA SE PODE MUDAR COM O VOTO CERTO!AGORA EM 2012...Vamos recontruir FORTALEZA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anne disse...

As autoridades não podem calar-se diante de tais comentários feitos pelo então vereador da cidade paulista de Jacareí, Dario BURRO. Ele nos insultou e humilhou de forma hedionda e desprezível. Não creio que o mesmo venha a entender o que escrevi nestas poucas linhas. É bem possível que venha a precisar de muitas aulas particulares para decodificar a mensagem. De qualquer forma peço as autoridades que insistam para que ele leia todos os comentários que estão sendo feitos a seu respeito e escreva, não de próprio punho é claro pois ele não saberia, as sua desculpas por tamanha imbecilidade.

Inezteves disse...

14-10-2009
Não seja feliz amanhã professor!

Pegue essa receita e passe adiante!
Afinal foi de sonho em sonho, de livro em livro, de letra a letra e de frustração a frustração que você chegou até aqui...
Então não comemore o dia “15 de Outubro”!
Tenho uma proposta decente e cuidadosamente elaborada para você caro amigo...
Dance, pule, ria extravase e seja feliz...
não só no DIA DO PRFESSOR,
mas sempre, pois você é
HUMANO!
Você é um vencedor, pois é formador de pensamentos...
Grite...chore...adoeça...cresça!
Seja verdadeiro e não máquina que te querem fazer ser...moldado em estruturas corretamente organizadas para destruir seus sonhos!
Acalente seus ideais por quanto tempo conseguir...semeia em campos frutíferos sua missão redentora...
SEJA VERDADEIRO...
não se deixe adestrar por gente que não tem berço...por gente pobre de recursos culturais e ricos em discursos!
Atravesse o seu tempo...
Então aí está a receita de felicidade...
Você aposentado, cansado, endividado ou abastado professor...
Que come poeira de giz ou sorve os néctares de uma carreira bem sucedida que começou lá bem longe...no ensino “primário”...fundamental a carreira de qualquer profissional...
FELICIDADES...
***com ou sem pimenta chore de alegria...ou dance e ria...
Comemore mais um ano em sua carreira!

INEZTEVES
INES PEREIRA ESTEVES

Inezteves disse...

PS
O texto acima foi elaborado após a agressão por policiais, aos profissionais de educação estaduais, numa passeata em 2009, no RJ ,com spray de pimenta e cacetetes...

NAELMA MOURA disse...

Brasil orem pelo Maranhão, estou indignada por que a roubam as doações que são feitas para a mãeS que estão presas até uma fralda que nos doamos é roubada pela, O MARANHÃO É O FIM DO MUNDO O ICMS É O MAIOR DO MUNDO, SÃO LUIS É SÓ BURACO, AS BR SÓ BURACO, CAMPO DE PIRIZES É CONHECIDA COMO A BR DA MORTE. A EDUCAÇÃO É DE PÉSSIMA QUALIDADE, A SAÚDE DA DESGOSTO DE VER OS SOCORROES LOTADOS...HAAAA DEUS NOS ABENÇOE.

Nara leão disse...

S.O.S! UM ELEFANTE ESTÁ EM PERIGO!

Todos sabemos que o mapa do Rio Grande do Norte lembra um elefante. E assim como fazem aos elefantes (que correm risco de extinção), pessoas têm extraído as riquezas de nosso estado e o deixado à míngua. O nosso elefante corre perigo tendo em vista um governo que tem se tornado antidemocrático. Não há preocupação, interesse e responsabilidade com mil e oitocentos trabalhadores antes "assalariados" e hoje literalmente vilipendiados.
Nós, trabalhadores demitidos do MEIOS – (Movimento de Integração e Orientação Social), estamos em mais um dia de espera por um resultado que libere o que é nosso por direito, O FGTS e o seguro desemprego, aos quais faz jus todo trabalhador, está retido por (des)ordem superior, após com décadas de serviços prestados ao RN. Nós educadores do MEIOS fomos DEMITIDOS sem justa causa, clamamos pela atenção dos direitos humanos, mesmo num país onde tudo vem sendo invertido.
Em pleno século XXI, com discursos de governantes a respeito do crescimento de nosso país, onde dizem preocupar-se com a pobreza (com projetos para retirar a miséria das ruas), vemos atitudes que nos aproximam do tempo em que o trabalhador não tinha nenhum direito. O RN que o diga. O governo atual veio para ARREBENTAR. Colocou fora do trabalho o número de funcionários celetistas citados nesta. E tem a coragem de adiar e segurar, dia após dia, o pagamento que nos resta. E essa dívida que o governo tem conosco é DIREITO DOS TRABALHADORES, não pertence a governos, autarquias ou ao escalão. Este povo do elefante votou nesse governo para lhe representar.
Estou indignada, bem como todos os colegas que atuaram nesse sistema. E o pior é que quem pode fazer algo (otimizar, reestruturar) se omite. São sete meses de omissão e desfavor dessa classe política do RN que atuara através do MEIOS, no cenário ou nos bastidores, de acordo com seus interesses.
Justiça, justiça, abra os olhos, ponha colírio e veja o que estão fazendo com o elefante. Estão deixando descamisada uma classe de trabalhadores (mães,pais,adolescentes,crianças e jovens) sem seus direitos BÁSICOS. Em que planeta impera a Justiça do Trabalho, Justiça para todos, o ECA, os direitos humanos?
Esperamos ainda aquilo a que fazemos jus: o FGTS, contas/emprego, seguros, RESPEITO.
S.O.S. ELEFANTE!!!


CYNARA BARBOSA SORES
PROFESSORA









EMAIL-naraleao@gmail.com

Postar um comentário

 
Design by Free Wordpress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Templates